top of page
  • Roseli

AEVAL fecha 2022 com balanço positivo de realizações

A AEVAL – Associação dos Empresários de Valinhos está fechando o ano de 2022 com várias realizações e um crescimento no número de associados que nos últimos cinco anos saltou de 17, para 70 empresas associadas, uma demonstração do reconhecimento do trabalho que vem sendo realizado, sem vínculos partidários, visando sempre o melhor para os associados.

O presidente da AEVAL Rafael Di Falco Cossiello fez um relato das ações de 2022, que considerou muito bom para a associação, que trabalha de forma holística e com vários braços de atuação: segurança, terceiro setor, implantação de totens e a interlocução com o poder público na resolução de demandas do setor.

Neste ano de 2022 a AEVAL contemplou a ACESA Capuava, que hoje atende 160 crianças e jovens com autismo, síndrome de asperger e outros. Situada na Fazenda Capuava, propriedade que foi do artista Flávio de Carvalho, onde está a casa modernista.

Para dar visibilidade à entidade, a AEVAL programou uma exposição no Shopping Valinhos sobre o artista Flávio de Carvalho e sobre o trabalho da ACESA e promoveu um encontro com empresários na casa do artista, visando mostrar o patrimônio histórico, existente no município, que precisa ser restaurado e se transformar num museu que gerará recursos para manter a ACESA.

Agora em dezembro a AEVAL deverá entregar para ACESA o sistema Starlink, melhorando a internet do local que será linkada via satélite.

“E nosso objetivo sempre poder ajudar uma entidade, já fizemos isso com a APAE, com a FEAV, com o Círculo de Amigos do Patrulheiro, Grupo Rosa e Amor e agora ACESA, nosso objetivo é sensibilizar o empresário e a sociedade, com ações e um olhar para o trabalho que todas realizam com excelência”, destaca Rafael Di Falco Cossiello.

Também está entre as conquistas a abertura da Rua Duílio Beltramini no Country Club, uma ação que demandou mais de 30 anos e que vai melhorar a mobilidade urbana do local. Todos os trâmites foram solucionados, restando apenas a adequação da canalização do gás que abastece aquela região e também o encanamento de água do Departamento de Águas e Esgotos de Valinhos.

O presidente da AEVAL lembrou também da implantação de totens de identificação das indústrias. Os totens foram implantados após aprovação de um projeto de uso do solo pela Câmara Municipal, lei que foi sancionada pelo Prefeito Orestes Previtale. Ao todo são 21 pontos autorizados, sendo que destes, 15 já foram instalados, restando seis que deverão estar concluídos até o final de 2023, facilitando a identificação das empresas, de forma padronizada e sem a poluição.

Um outro braço da AEVAL está voltado para segurança, através do sistema Detecta, que veio importado da Prefeitura de Nova York pelo Governo do Estado, que permite a leitura das imagens das placas com letras e números, direcionadas ao PRODESP - Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo, que faz o processamento da placa oferecendo as informações, se o veículo é roubado, clonado, se o condutor tem alguma complicação, tudo é encaminhado para a viatura mais próxima da polícia militar, que faz a abordagem.

“Já temos 16 câmeras instaladas em vários pontos e com resultados efetivos em muitas abordagens, estamos instalando mais quatro câmeras. Quem entra em Valinhos está sendo monitorado e quem ganha com isso é a população que tem mais segurança”. Finaliza Rafael Di Falco Cossiello, presidente da AEVAL.


6 visualizações0 comentário
bottom of page