• Roseli

Presidente da AEVAL será o mediador de evento da FEAV

A AEVAL – Associação dos Empresários de Valinhos está como grande parceira da FEAV – Fórum das Entidades Assistenciais de Valinhos, na comemoração dos cinco anos de sua fundação que vai ocorrer entre os dias 23 e 26 de novembro.

Na terça-feira, 20 de outubro, a presidente da FEAV - Eliane Macari, o presidente da AEVAL – Rafael Cossielo e Roseli Bernardo estiveram com o diretor presidente da VV8 TV Dr. Flávio Constantino e Amadio Cremonesi Neto, para acertar os detalhes da transmissão do Painel com empresários, no dia 26 de novembro a partir das 20 horas, que será parte das comemorações da FEAV.

A programação inclui também uma palestra através de live, com Eduardo Lyra fundador do Instituto Gerando Falcões e o tema: “Pra onde vamos?”; dia 24 uso da tribuna livre na Câmara Municipal pela Presidente da FEAV - Eliane Macari; dia 25 premiação dos ganhadores do Troféu Solidariedade FEAV que vai homenagear a imprensa, pessoas, empresas, associações, voluntários e profissionais que fizeram a diferença no terceiro setor de Valinhos e para fechar o evento, no dia 26, um painel sobre o Terceiro Setor.

A AEVAL abraçou a causa da FEAV neste ano de 2020, em maio fez a entrega de 510 máscaras de policarbonato, tipo protetor facial (Face Shield) para as entidades atendidas pela FEAV, em agosto entregou 50 cestas básicas também para atender as necessidades das famílias das diversas entidades que fazem parte do Fórum das Entidades Assistenciais de Valinhos.

“Procuramos envolver os nossos associados em ações de solidariedade e esse ano em particular, por conta da pandemia, pudemos observar uma grande necessidade e na medida do possível, estamos dando a nossa parcela de colaboração. Ser convidado para mediar um evento dessa grandeza é uma honra, porque mostra o peso de nossa associação nos vários assuntos da cidade e o 3º setor precisa ser inserido nesse contexto, precisamos nos voltar para as necessidades das famílias acolhidas pelas instituições, que hoje representam cerca de 1700 pessoas”, disse Rafael Di Falco Cossielo.




1 visualização0 comentário